terça-feira, fevereiro 09, 2016

Por um mundo com mais surpresas e menos promessas!

Por Clara Cardoso


Inacreditável que eu, com 27 anos de idade ainda lembre de todas as promessas que fizeram para mim quando era criança, mas é claro que só lembro de todas as promessas não cumpridas! 
Quando a gente cresce a gente percebe que ainda recebe várias promessas, e muitas delas feitas "da boca para fora", parece que não aprendemos,  ainda continuamos acreditando nos adultos!rsrs
Na minha opinião,  as promessas que mais doem são aquelas feitas no começo de um namoro, no dia do casamento, nos melhores momentos da nossa vida...mas o tempo passa chega uma hora que tudo muda e no fim de tudo sobra apenas as lembranças de cada promessa não cumprida que de alguma forma começam a assombrar nossa mente,...aquela viagem que a gente não fez junto, aquele dia que eu iria conhecer os pais dele, aquele passeio que ele prometeu e não cumpriu, tantas promessas que a gente perde a conta mas sabe que no fundo se realizaram melhor na nossa mente do que teria sido na realidade. Então eu me pergunto, como seria um mundo com mais surpresas e menos promessas?

sexta-feira, novembro 13, 2015



Os tolos dizem que aprendem com os seus próprios erros;
eu prefiro aprender com os erros dos outros.
Otto Bismarck
 

segunda-feira, novembro 09, 2015


Tudo na vida tem um sentido, 

mesmo que a princípio não 

o enxerguemos.

Dirk Erik Wolter


sexta-feira, novembro 06, 2015



Há 3 caminhos para o fracasso :
Não ensinar o que se sabe;
Não praticar o que se ensina;
Não perguntar o que se ignora.
São Beda - grande pensador do século VIII, citado por Mario Sergio Cortella nas suas palestras